4 poemas do livro 'A Flor Lilás'


Eis Aqui Lá onde há prosa

Constrói-se o dito

De que da rosa

É feito o mito

Que se renova

A cada passo

E posto à prova

Não fica escasso

Mas chega o dia

Em que é reduzida

E de tão reluzida

Vira poesia

Ave

uma ave mnio-

tiltídea pousou

no ninho sobre

uma planta gim-

nosperma e

mnemonizou

um gimnuro

gimnossomo

que parecia um

gnomo ou,

melhor,

agrônomo

Se é arte, desculpe

Mas essa pedra afundada

É o mar que esculpe

Com tanta bravura

Agora mesmo na areia

Fez uma gravura

Foto: Gabriel Mayor


Destaque
Recentes
Siga-nos
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Social Icon
  • Instagram Social Icon