O livro 'Outras Paragens' mistura fatos históricos, imaginação, ilustração e fotografia.

April 15, 2016

O escritor Filipe Moreau lança uma verdadeira obra de arte, o livro OUTRAS PARAGENS que mistura fatos históricos, imaginação, ilustração e fotografia.

 

Outras Paragens é um romance histórico, mas permeado de imagens poéticas, elucubrações filosóficas feitas pelo narrador, comentários irônicos e considerações de caráter legitimamente afetuoso, de quem se dispôs a olhar de fora para esta saga familiar, vivida da segunda metade do século XVIII ao início do XX.


Apoiado na pesquisa de Maria Laura da Silva Telles 
(o livro Ser Tão Antigo: fragmentos de uma história de família – Rio de Janeiro: GF Design, 2003), Filipe Moreau acrescenta cenas às vezes absurdas, ora embutindo nos diálogos conceitos modernos de antropologia, física quântica, ecologia, história da arte e literatura, marxismo e liberalismo, ora citando músicas do século XX (como se já existissem à época) que tratam dos mesmos assuntos abordados na história.

 

 (Ilustração - Gabriela Brioschi)


Transforma assim uma história verdadeira em assuntos de pura ficção, sem deixar de reproduzir os nomes reais, as datas e praticamente todos os eventos levantados pela historiadora (incluindo suas descrições paisagísticas e análises socioeconômicas, buscadas em outros autores). Embora no romance haja preocupação em seguir-se rigorosamente a ordem cronológica dos fatos, a narrativa vai aos poucos se mostrando instável, como se viajasse para a frente e para trás, e através desse seu “anacronismo proposital” (como é chamado pelo autor) pudesse buscar os assuntos de um tempo imaginário, espécie de “passado futurista”.

 

Trecho do livro:

 

Pois de fato, como em qualquer contexto, o que importa mesmo é a interação 

do indivíduo com seu espaço externo – meio de que faz parte –, para assim poder-se 

levar naturalmente à troca em que todos se beneficiam. Passará a haver então o 

desejado equilíbrio, podendo-se esperar uma verdadeira simbiose das relações 

quando se pensa prioritariamente no bem comum. E nota-se isso tanto entre seres 

humanos como em comunidades de vacas e abelhas pois, como se sabe, tudo é, 

mutatis mutandis, o habitat e os habitantes.

 

(I-6, Pecuária e fauna no sertão, p. 60)

 

 (Foto - Dimitri Lee)

 

Filipe Moreau é autor de livros diversos como 'História da rainha e do gato' e 'A flor lilás: poesia'. Estudou Letras e Arquitetura sem nunca abandonar a música (compõe desde os catorze anos). Apresenta suas letras e poemas junto a amigos em casas de São Paulo, e trabalha como editor no grupo Laranja Original.

 

 

 

Clique aqui para saber mais e comprar o livro OUTRAS PARAGENS 

 

Please reload

Destaque

'Fica a vontade' - leitura dramática de Paula Cohen

December 20, 2016

1/1
Please reload

Recentes
Please reload

Siga-nos
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • Instagram ícone social
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • SoundCloud Social Icon

Contato

 

© 2016 Laranja Original